quinta-feira, 21 de outubro de 2010

Only time

(imagem daqui)

Uns chamam-lhe timmings..outros fases… outros alturas da vida…..
Eu chamo tempo….
Aprendi que vivemos por tempo… e que por muito que nos digam isto e aquilo todos nós temos os nossos tempos de incubação, de hibernação… de lembrar, de esquecer, de relembrar… e de voltar a esquecer; e não… não adianta queimar etapas… não adianta tentar andar para a frente mais rápido que aquilo que nos é mesmo permitido. É tudo uma questão de respeitos por nós próprios, de crescimento, de amadurecimento. Se hoje me apetecer pensar em tudo o que fui, penso e repenso e se doer amanhã vou aprender com isso…. O cliché diz que nada acontece por acaso… e que com os que nos passa pelo caminho só temos que tirar lições. Se não foi agora, há-de ser mais tarde.
Não mata admitir que sentimos saudades, não mata dizer que não se esqueceu - e tudo em voz alta.
Na realidade o que precisamos muitas vezes é de tempos de euforia, de puro histerismo e de loucura - o tempo do não pensar. Na altura certa a mente e o corpo vão encontrar um equilíbrio e vamos poder pensar e agir de forma racional. Não tem que ser já… agora neste instante… tem que ser quando o coração estiver preparado… quando o coração e a mente estiverem em sintonia e nos deixarem ir.
Até lá podemos passar pela fase de querer mudar tudo, até à altura em que, sem baixar os braços, deixamos que a vida passe, um bocadinho, por nós e nos ensine qualquer coisa.

by me

5 comentários:

Luis Sousa Reis disse...

Gosto como escreves clichés sem te importares. A tendência da maioria é fugir aos clichés e esquecerem-se que os clichés são sempre (quase?) verdade.

E olha...Obrigado por esta frase: "Não mata admitir que sentimos saudades, não mata dizer que não se esqueceu - e tudo em voz alta." que é tão verdade... :)

bjs

Piquenina disse...

tás crescida.
vê-se neste post ;)

Xika disse...

Não gosto de ti. Ter o dom de dizer tudo o que alguma vez nos passou pela cabeça é feio.

Gosto de ti mula.

Eliana disse...

Fuck -.-'

lady passion disse...

Tão verdade!